Prefeito Jurandi Gouveia sofre derrota no STJ e volta ao mandato fica cada vez mais difícil

Prefeito Jurandi Gouveia sofre derrota no STJ e volta ao mandato fica cada vez mais difícil

Os ministros do Superior Tribunal de Justiça se reuniram nesta terça-feira (16) e analisaram um pedido liminar feito pela defesa do prefeito afastado de Taperoá, Jurandi Gouveia, para retomar suas funções. Por unanimidade, os ministros mantiveram a decisão do Tribunal de Justiça e negaram o recurso interposto pelo gestor.

Os ministros alegaram na sustentação da decisão que a acusação que envolve o prefeito Jurandi Gouveia é de fraude em processo licitatório, logo não haveria sentido retornar o prefeito ao cargo, pois exerceria influência sob o setor onde possivelmente estão as irregularidades.

No próximo dia 23 de junho, outro recurso interposto pela defesa do prefeito Jurandi será analisado pela mesma Corte e o resultado poderá ser o mesmo.

Enquanto isso, o prefeito interino Júnior de Preto continua tocando a gestão municipal e fortalecendo seu projeto de reeleição para a disputa eleitoral que se avizinha. As eleições em Taperoá prometem ser bastante disputadas, como inclusive foi na eleição passada, com três candidaturas fortes e com reais chances de vitória.

De Olho no Cariri

Categoria:Cultura